Tag 11 coisas


Olá, pessoal! Hoje eu vim aqui para participar de uma tag maravilhosa que é “11 coisas”. Vocês sabem o que é?

Ela consiste em quatro partes. Na primeira eu preciso falar 11 fatos sobre mim. Esse é o tipo de coisa bem difícil, mas eu juro que vou espremer algo de meu cérebro para que vocês saibam sobre algo. Na segunda parte, respondo a 11 perguntas feitas pela Daniella, do Hey Spring, pessoa lindíssima que me indicou. Logo após, preciso  elaborar onze questões que serão respondidas pelos 11 blogs que eu indicar nesta belezinha. Prontos? 


É horrível, minha gente! Meu pai diz suspeitar que eu nasci com 4 braços. As pessoas dizem que é porque sou alta (sabiam que eu tenho mais de 1,70?). Mas a verdade é que sou muito desastrada, péssima nos esportes por isso e a única coisa que minhas mãos coordenam bem é a digitação. Ah ):



Eu já namoro há dois anos e dois meses. Nos conhecemos na escola, nossa história começou complicada e se vocês quiserem dou ~detalhes~ de tudo. Ah, a baleia é pra simbolizar meu gordinho que está emagrecendo. #forçalucas

Esse é um ítem daquela lista louca de "Não entendo o motivo disto acontecer". Nunca fui muito fã de doces, mas a minha avó ter sido boleira durante décadas pode ter sido passado quase geneticamente para minha maior disposição para cozinhar doces e para comer salgados. Não me peça para provar doces. E, ah!, odeio chocolate!


É isso mesmo. A minha é leve, tratada com remédios e nenhuma convulsão propriamente dita. Mas precisa ser monitorada de dois em dois meses para não evoluir ou ficar pior, mas sendo a mesma. Ah, e foi o tema da minha monografia de conclusão do ensino técnico e estou tentando colher mais frutos dela.

Desde meus 11 anos, quando entrei no primeiro curso de inglês (e logo saí para aprender sozinha), falo que quero ir pra Inglaterra. Algumas vezes perto e algumas vezes muito longe de acontecer, meu sonho vai ter que esperar um pouco mais. Cabines telefônicas, London Eye e Big Ben? Fica pra depois! Mas não esperem muito, viu?
  
É normal acharem que eu desmaiei durante o sono ou até que morri. Meu pai uma vez ficou tão desesperado que deixou marcas nos meus braços de nervoso. Quando eu acordei, como se nada tivesse acontecido, ele estava quase chorando. Calma, papai! É sua filha que dorme como uma pedra e não sente que está sendo arremessada. A dica para me acordar? Não vou dizer! Porque você vai me acordar e eu vou voar na sua pessoa de raiva mesmo.

Desde muito novinha frequento centros espíritas. Após uma breve estadia na Igreja Católica (experiência muito enriquecedora pro meu leque cultural e de pessoas maravilhosas que lá conheci) voltei para o centro e lá permaneço. Como disse no post anterior, ano que vem pretendo iniciar a escola de médiuns e começar a realizar trabalhos na casa que frequento. Um dos meus sonhos é difundir que nenhuma religião deve sofrer preconceito. 

Muitos tentaram, poucos conseguiram. Eu não sei se é bloqueio, magia negra, uruca, burrice ou simplesmente a matemática não vai com a minha cara. Mas eu consegui aprender poucas coisas na minha vida por conta da paciência dos senhores e senhoras que foram professores na minha vida. Além de eu ser péssima, é minha matéria mais detestada. Gosto mais de física do que de matemática, minha gente. E só desgosto de física porque tem matemática. Traumatizada? Sim ou claro?

Foi num sonho e virou minha futura filha. Tu já tem um nome, criança, mas venha ao mundo em uns dez anos, tá bom? Alice! Lucas já está mais do que acordo, né, Lucas?

Ah, eu não sei de onde surgiu a minha fixação por esse órgão divino, holístico e multisensorial (parafraseando a Ingrid). Mas eu o amo tanto quanto esse zumbi lindo daí de cima. 

Eu juro que queria não ser. Mas se eu fico dois dias sem coca-cola já me vejo nervosa procurando pelo menos um gole desta bebida dos deuses. E bem gelada, por favor. É minha única exigência. Pode ser com ou sem gás, velha ou nova, de garrafa de vidro ou pet. Preciso dela constantemente. Oh, droga! ):



Aí a Daniella decidiu perguntar algumas coisinhas que vou tentar responder da melhor forma possível! 

1. Qual o seu maior sonho?

Meu maior sonho é poder salvar vidas. 

2. O que mais gosta no seu quarto?

Desses cantinhos aqui, olha. Peço perdão pela qualidade da foto, mas minha máquina deu um solene último suspiro.

3. Qual a sua época do ano preferida?

Qualquer uma que tenha férias!!

4. O que te deixa triste?

Desrespeito. 

5. E feliz?

Quando reconhecem e usam para o bem algo que fiz.

6. Qual livro te fez chorar horrores?

Eu nem gosto tanto dele, mas A culpa é das estrelas. É.

7. Qual a frase marcou a sua vida?

Conhece-te a ti mesmo e verás a Deus.

8. Roupa preta ou branca?

Preta.

9. Qual foi a sua viagem inesquecível?

Já fiz várias, mas Angra em 2011.

10. Tem uma roupa preferida?

Não, nenhuma. Mas me sinto muito confortável com calça jeans, tênis e qualquer blusinha. Bem roupa de gente de laboratório mesmo. Mas de alguma forma eu gosto de me arrumar também.

11. Sua meta para 2014

Passar no vestibular para medicina.




Minhas 11 perguntas? Lá vai, minha gente!

1: Tem algum bichinho de estimação ou gostaria de ter?
2: Se pudesse mudar qualquer coisa no seu corpo, o que seria?
3: Você gostaria de viver em qual outro lugar se não morasse onde mora?
4: Qual lugar você indicaria para seus leitores passarem as férias?
5: Se você fosse para uma ilha deserta, quais seriam os três livros que você levaria?
6: Se você tivesse um super-poder, qual seria?
7: Qual foi o momento de maior vergonha na sua vida?
8: Suas metas para o blog em 2014
9: Porque sua estação favorita é a sua favorita?
10: Refrigerante ou suco?
11: O que você fez para ajudar alguém nesse ano?


Blogs que indico para a tag: 

Espero que tenham gostado desse post. Avisarei a esses blogueiros supracitados porque como o Balbúrdia é um recém-nascido, pouca gente conhece. Querem participar ou ver mais coisas como essa? Acompanhem a Balbúrdia! 

4 comentários:

Juliana Ferreira disse...

Adorei o post <33
Seguindo o blog, segue o meu de volta por favor?
grande beijo, http://aculpaedajuliana.blogspot.com.br/

Mariana Ferrari disse...

Olha, fui selécionada! Que legal, a-mei a TAG e acho que vou fazer sim <3
Mas eu já sei praticamente tudo sobre as 11 coisas sobre você, credo kk

Cafeína Aguda

Ana Beatriz Leiroz disse...

Fico feliz que tenha gostado! Verei seu blog, se eu gostar sigo de volta mesmo!

Ana Beatriz Leiroz disse...

Faz sim, Mari! Porque não te indiquei à toa meeeesmo!